Dia da Saúde e Nutrição – alimentos industrializados x saúde

Como manter a saúde em dia frente à praticidade dos produtos industrializados?

Neste dia 31, Dia da saúde e da nutrição, é tempo de dar uma pausa na rotina e pensar nos alimentos que ingeridos diariamente e como isso reflete na saúde. Mesmo que os alimentos congelados, semiprontos e industrializados sejam os grandes aliados para ganhar tempo diariamente, a indicação é clara: “Prefira alimentos in natura”, aconselha a nutricionista Gabriella Alves, da Corpometria – Centro de medicina avançado em avaliação corporal.

Dia da Saúde e Nutrição

Em pesquisa nacional feita pelo Fiesp/Ibope, em 2010, indicou que 34% brasileiros tem propensão a escolher os alimentos de acordo com a conveniência e praticidade, seguindo a tendência mundial. Este quesito ficou a frente de confiabilidade e qualidade (23%), sensorialidade e prazer (23%) e saúde e bem-estar (21%).

Nas academias tornou-se comum a presença de comidas caseiras, segundo Talles Sucesso, professor da academia Bodytech – Lago Sul. Ao invés da alimentação pobre oferecida pelas comidas congeladas, as “marmitas” oferecem tudo o que é necessário para a prática de atividade física.

Maria Francineide, 24, optou por fazer a comida em casa. Mesmo com a rotina cheia, ela começou a fazer exercícios e sempre arruma um tempinho para preparar a própria comida para consumir durante o dia. “A minha família tem histórico de obesidade, então decidi cuidar melhor da minha alimentação e iniciei a prática de exercícios físicos”, conta a faturista hospitalar.

Algumas pessoas optam também por comprar comida voltada ao público fitness, que são comidas caseiras preparadas por empresas especializadas. “Elas são preparadas com um tempero mais saudável, com menos sódio e uma quantidade adequada de carboidrato”, destaca o personal trainer.

Plano Alimentar

A execução de um plano alimentar saudável e prático é completamente possível. “Alimentos in natura podem ser tão práticos quanto fast-foods! Há algo mais prático que uma fruta?”, questiona a nutricionista Gabriella. A alimentação equilibrada e natural fornece todas as vitaminas e minerais necessários a nutrição do organismo. Já uma alimentação rica em industrializados é limitada em nutrientes.

A indicação de Gabriella é que o consumo de comidas prontas deve ser feita somente em último caso e na hora da escolha, dar preferência aos que tem menos sódio. O segredo é que quanto maior o prazo de validade, mais componentes químicos ele contem. “Quanto maior o tempo de prateleira, mais atenção deve-se ter ao produto pois ele provavelmente contém alta concentração de corantes e conservantes. O teor de sódio também deve ser considerado, dando preferencia aos produtos com menor proporção desse componente”, adverte.

A melhor forma de obter um plano alimentar individualizado é através de um nutricionista. O profissional capacitado irá levar em consideração todas as especificidades do indivíduo e propor uma dieta que seja condizente com a sua rotina, tornando viável alimentar-se da melhor forma mesmo na rotina mais atarefada.

 

 

(Visited 114 times, 1 visits today)
Pin It




5 Comentários

    • Ficamos felizes por termos publicado um artigo útil para você, Natalia! Aproveitamos para convida-la a conhecer nossa loja de roupas de academia online!
      Abraços da Equipe da Specialità Fitness!

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *