Dieta Low Carb – Veja aqui 4 dicas fundamentais para obter sucesso na sua dieta.

Dieta Low Carb – 4 Dicas Excepcionais

Ganhando adeptas em todo o mundo, a dieta low carb promete perda de peso de forma simples, comendo bem e sem passar fome. Mais que uma simples dieta, adeptas dessa técnica relatam que a low carb é um estilo de vida.

Veja aqui quatro dicas matadoras para você arrasar com a dieta low carb e não cair nos equívocos mais comuns dos iniciantes nessa nova rotina alimentar.

 

Comida simples

comida simples

 

Um dos erros mais comuns dos iniciantes na low carb é achar que deverão consumir receitas mirabolantes e extremamente técnicas ou complicadas. Pelo contrário, quanto mais simples a refeição, melhor os resultados. Experimente incluir na dieta:

  • Carnes com gordura natural
  • Saladas básicas, como alface, pepino, abobrinha, rúcula, tomate, cebola e brócolis
  • Azeite
  • Manteiga
  • Café com nata
  • Ovos

Durante a primeira semana, evite o consumo de frutas.

 

Diário de anotações

Uma das dicas mais desprezadas pelos adeptos, manter uma planilha no excel é essencial no início da dieta low carb.

É essencial realizar o diário, pelo menos, durante os primeiros 15 dias de dieta. Com esta prestação de contas a você mesma, você visualizará com maior clareza a quantidade de carbos que está consumindo e, consequentemente, estará mais consciente das próprias escolhas.

 

Calma com os queijos

queijo

 

Um dos erros mais comuns entre os iniciantes na dieta low carb é achar que o queijo está liberado, já que esta dieta não condena as gorduras naturais.

O que poucas sabem é que, em excesso, o organismo converte a energia do queijo em glicose. Por isso, muitas vezes o queijo é o responsável pelo fracasso da dieta low carb entre algumas adeptas que não prestam atenção ao consumo deste alimento.

Alguns estudiosos da estrutura da dieta low carb indicam o consumo máximo de 100 gramas de queijo por dia.

 

Atividades físicas

Alguns adeptos fanáticos da dieta low carb ressaltam que o emagrecimento pode ser realizado exclusivamente com reeducação alimentar. Entretanto, diversos especialistas e estudos no mundo inteiro já demonstraram que o caminho mais eficaz, rápido e saudável para a redução de medidas e peso é o casamento entre uma dieta equilibrada e a prática de exercícios físicos.

Além disso, seguir uma dieta manterá você comprometido com a prática física e, em contrapartida, o exercícios ajudarão você a manter o foco na alimentação equilibrada. Exercícios físicos e alimentação saudável são os dois pilares fundamentais para aqueles que buscam por um estilo de vida mais saudável e por resultados na balança e no espelho mais rápidos.

Com a dieta low carb não é diferente. Associe a disciplina das atividades físicas com as dicas para a dieta low carb e veja os resultados almejados ainda mais rápido.

 

O que achou destas dicas?

Deixe um comentário e compartilhe estas informações com suas amigas

 

Pin It


Treino POWER para o verão

Prepare-se para o verão com um treino power

A estação mais quente do ano está chegando e agora é o momento de dar aquela última secada até o verão para curtir os finais de semana de sol e as tão esperadas férias na praia. Com um treino de alta intensidade e realizado todos os dias até o final do ano, você vai conseguir eliminar as gordurinhas que faltam e estar pronto para aproveitar os dias ensolarados.

O professor da academia Smart Fit, Vinícius Dias, indica o treino baseado na metodologia HIIT (High Intensity Interval Training) como principal para quem quer queimar gordura rápido. “Falta pouco para o verão, mas com certeza ainda dá tempo de ter ganhos reais e visíveis no seu corpo. Agora é a hora de optar por exercícios de alta intensidade e menor duração. O HIIT já faz parte da rotina de exercícios de quem busca resultados rápidos e será um ótimo aliado nessa época do ano”, comenta Vinícius.

Os treinos baseados na metodologia HIIT duram até 45 minutos. “São treinos intensos que elevam a frequência cardíaca do praticante, fazendo com que o metabolismo acelere e a perda de gordura seja mais rápida, e a pessoa continue queimando mesmo após o treino“, explica Vinícius. A Smart Fit conta com a aula de Smart Shape, um circuito de exercícios intercalados que dura 30 minutos e trabalha de forma completa o corpo, utilizando o HIIT.

Vinícius também indica o treino na esteira. “O aluno pode fazer treinos intervalados na esteira, alternando estímulos de alta intensidade com descanso entre as séries, procurando seguir o conceito de 2X1, onde o descanso sempre dura metade do tempo do estímulo. Por exemplo, se o tiro for de 60 segundos, o intervalo precisa ter 30 segundos. A velocidade vai depender do condicionamento físico de cada praticante”, explica. Abaixo segue sugestão de treino do professor Vinícius Dias, da Smart Fit, com duração de 30 minutos:

Treino Power – Aquecimento

1′ – polichineloTreino POwer - polichinelo
30” – agachamento
1′ – polisapato

Treino Power – parte principal

1º SEQUÊNCIA – 45 segundos de exercícios para 15 segundos de intervalo
1º exercício: avanço alternado

 
2º: flexão de braços
3º polichinelo

1 minuto de pausa

2º SEQUÊNCIA- 45 segundos de exercícios para 15 segundos de intervalo
1º exercício: agachamento com salto

2º: abdominal com pernas elevadas e flexionadas
3º: corrida no lugar com elevação de joelhos

 

1 minuto de pausa

Repetir a 1º e a 2º sequência

Alongamento no final

 

Pin It


Coach de emagrecimento

Coach de emagrecimento é bom ou ruim?

Em alta com famosos, como as cantoras Anitta e Silmaria, especialista em coach explica quais questões que devem ser colocadas na hora de escolher um profissional correto

Nos últimos anos, o mercado de coaching cresceu mais de 300% no Brasil, segundo a International Coach Federation (ICF). Mesmo com rápida expansão, a profissão de coach não tem regulamentação no país. Desta forma, principalmente em questões relacionadas à saúde, é fundamental ter cuidado na contratação de um coaching emagrecimento, setor que tem “bombado” entre os famosos neste ano.

Coach emagrecimento

Associada ao Health Coaching International Institute, escola pioneira em Coaching de Emagrecimento Consciente destinado a profissionais da área da saúde, a nutricionista Gladia Bernardi afirma que encontrar o coach correto é fundamental não só para alcançar o peso ideal, mas para ter o corpo e a mente saudáveis.

“Um estudo realizado pela Organização Mundial de Saúde mostrou que os casos de obesidade estão estritamente relacionados a fatores comportamentais”, diz Gladia. “E, para mudar de comportamento, de hábitos, nada melhor do que um coach.”

Segundo ela, para encontrar o coaching de emagrecimento ideal, temos que buscar informações importantes sobre o profissional, como formação e responsabilidade.

Investigue a formação acadêmica e as credenciais

Apesar de ainda carecer de regulamentação, ao procurar ajuda em coaching é possível checar a formação daquele profissional. “Para escolher um coach de emagrecimento, é preciso buscar quem estudou sobre o assunto e atua na área da saúde, pode ser médico, nutricionista, psicólogo”, diz.

As instituições de ensino e a validade dos diplomas podem ser checadas no MEC. O registro do profissional pode ser verificado por meio do certificado regional. Por exemplo, CRM, para médicos, ou CRN, para nutricionistas.

De acordo com a especialista, recomendações de amigos e familiares e depoimentos de quem já fez o tratamento são fortes indicadores de que o profissional é compromissado. “Você pode extrair informações de sites que reúnem queixas, como o Reclame Aqui, e de redes sociais, como o Facebook”, diz.

Cheque a competência para lidar com o seu caso

Perder dez quilos é mais fácil do que se livrar de cem. Segundo Gladia, é preciso avaliar se esse profissional pode ajudar no seu caso específico. “Procure alguém que tenha experiência em episódios iguais ao seu e seja sincero quanto a sua condição.”

Por isso, quando for verificar as credenciais e a formação acadêmica, aproveite para descobrir se aquele profissional tem no histórico do trabalho desenvolvido ocorrências semelhantes a sua. Essas medidas irão estreitar os laços entre coach e coachee.

Coaching corta o mal pela raiz

“Muitos métodos trabalham do fim para o começo”, explica a nutricionista. “Não adianta ir diretamente no hábito, usando apenas dieta, e achar que isso mudará a maneira como o cliente se relaciona com a comida.”

Coach emagrecimento

Se a raiz do problema não for tratada, segundo Gladia, teremos o reganho de peso e o paciente viverá assombrado pelo fantasma do efeito sanfona. Para que isso aconteça, a relação entre coach e coachee, que pode durar meses, precisa ser fundamentada em confiança e num bom relacionamento.

Profissional deve ser claro e motivador

Coaching misterioso tem menos chance de dar certo. Para Gladia, o coach deve convencer o cliente a mudar o pensamento. “O profissional precisa argumentar e definir claramente quais são os objetivos a serem alcançados”, diz. “Do contrário, tenho certeza, de que não haverá mudança definitiva.”

A ideia de coach nasce da atuação do treinador esportivo, daí a origem do nome (treinador ou instrutor, em inglês). “Muitos clientes chegam ao meu consultório arrasados, com a autoestima em frangalhos”, conta Gladia. “Precisam receber uma boa dose de ânimo para sair daquela condição.”

Segundo pesquisas, 92% das pessoas acima do peso usam a comida para alimentar emoções e sentimentos reprimidos. “Esse é um dos dados que inspiram o uso de técnicas mentais para obter o emagrecimento saudável e definitivo”, explica. “É preciso mudar os sentimentos para ter resultados definitivos.

Coach é o principal responsável pelo tratamento

Gladia defende que os profissionais devem ser firmes em relação a seus pacientes. “Se o cliente não criar uma nova realidade e um novo pensamento, dificilmente ele e o especialista terão resultados duradouros”, diz. Segundo o método de emagrecimento consciente, o paciente não passa da segunda sessão sem apresentar resultado.

Mesmo com intervenções cirúrgicas, muita gente volta a engordar –e com danos relevantes e permanentes à saúde. “Acredito que o profissional de saúde é responsável pelo fracasso do tratamento”, afirma.

Quem promete milagres dificilmente conseguirá cumpri-los, e essas maravilhas ficarão apenas nas promessas. “Perder peso exige esforço”, afirma Gladia. “Sonhe, mas tenha os pés no chão. Quem quer conseguir coisas boas precisa ter força de vontade.”

Sobre Gladia Bernardi: Nutricionista, coach e desenvolvedora do método “Emagrecimento Consciente”, baseado na neurociência, na programação neurolinguística e em coaching. Por meio de técnicas e ferramentas pioneiras, que dispensam dietas restritivas, prescrição de medicamentos ou intervenções cirúrgicas para o emagrecimento, visa transformar profissionais da área da saúde, coaches e consultores independentes em especialistas em emagrecimento junto a pacientes. Atualmente, já formou mais de mil profissionais e é responsável pelo evento “Por um mundo mais leve”, que defende que qualquer pessoa pode emagrecer se estiver em harmonia com a sua mente.

 

Pin It


Bulletproof Coffee – café blindado -funciona para emagrecer?

Bulletproof Coffee, café blindado, café turbo ou café cetogênico: emagrece mesmo? Saiba tudo aqui!

O Bulletproof Coffee é uma combinação inusitada de café, manteiga e óleo de coco que promete tirar a fome por horas. Mas será o suficiente para proporcionar uma perda de peso segura?

Bulletproof Coffee - café blindado - funciona para emagrecer?

Quando o assunto é perda de peso, de tempos em tempos surge um novo “queridinho” das dietas. Algumas vezes esses ingredientes são um tanto exóticos, de nomes complicados e origens distantes, porém, em outros casos, são tão comuns no dia a dia que até surpreendem pelo fácil acesso. Mais que um reflexo do crescente desejo de emagrecer, tantas novidades também são fruto dos avanços em pesquisas científicas e da reavaliação de conceitos no campo da nutrição. Alimentos antes condenados, hoje são apontados como grandes aliados do cardápio, como é caso do ovo, do cafezinho e, até mesmo, das temidas gorduras.

A mais nova onda entre as famosas dietas de emagrecimento é justamente uma bebida que combina o tradicional matinal com gorduras consideradas boas: o polêmico “Bulletproof Coffee”. Também conhecido como “café blindado”, “café turbo” ou “café cetogênico”, a preparação inusitada promete afastar o apetite por horas, aumentar a concentração e, ao mesmo tempo, potencializar a queima de gordura. Porém, existe fundamento? Esse pode, de fato, ser o grande segredo para controlar a fome e enxugar a silhueta? Veja o que é fato e o que é questionável nessa tendência:

De onde surgiu o Bulletproof Coffee?

O tal “café à prova de balas” (numa tradução literal do inglês) ganhou fama no Ocidente graças ao empresário americano Dave Asprey, que após uma viagem sabática ao Tibete decidiu pesquisar a fundo uma prática muito comum entre os povos do Himalaia: a ingestão diária de um chá com manteiga pura (proveniente, naquela região, do leite de iaques – um tipo de boi selvagem). Asprey reparou que essa era praticamente a única refeição dos nativos por longas horas e, ainda assim, possuíam concentração mental e energia para realizar trabalhos pesados. Após essa experiência, o empreendedor do Vale do Silício se aprofundou nos efeitos da bebida, criou sua própria receita e encorpou o hábito em sua rotina. Sua “criação” logo ganhou popularidade nos Estados Unidos e desde então, tem se espalhado pelo mundo e conquistado cada vez mais adeptos, principalmente entre praticantes de dietas como a Low Carb, Cetogênica e Paleolítica. Isso porque, de acordo com seus seguidores, uma simples xícara pela manhã seria o suficiente para manter a saciedade por horas, o que auxiliaria, inclusive na prática do jejum intermitente.

A receita

A principal premissa do famigerado bulletproof coffee é que todos os ingredientes sejam os mais saudáveis possíveis. É recomendada a utilização de um café de alta qualidade (preferencialmente orgânico e, se possível, moído na hora), manteiga de leite de alta qualidade, o mais pura possível (ghee, clarificada ou proveniente de vacas que se alimentam de pasto) e um óleo rico em triglicerídeos de cadeia média (o mais usado é o óleo de coco). Tal “cuidado” garantiria os efeitos benéficos e aumentaria o potencial da bebida, porém é possível encontrar dezenas de receitas diferentes na internet, desde as mais “refinadas” às mais simples. Basicamente, o “elixir” é obtido através da mistura de uma xícara (cerca de 300 ml) de café coado, misturado com uma colher (sopa) de manteiga e duas colheres (sopa) de óleo de coco. Para deixá-lo ainda mais cremoso e encorpado, pode-se utilizar um mixer ou liquidificador. Porém, existe uma regra de ouro: jamais adoçar, nem mesmo com adoçantes naturais.

Bulletproof Coffee funciona mesmo?

Embora alguns adeptos afirmem que a bebida é agradável, a razão pela qual o bulletproof coffee ganhou fama certamente não foi por seu sabor, mas sim por sua capacidade de acelerar a queima calórica, diminuir a fadiga, melhorar a concentração e diminuir a fome. Mas, o que especialistas dizem a respeito? De acordo com a nutricionista Sinara Menezes, individualmente, os três ingredientes tem propriedades que podem, de fato, auxiliar a dieta:

“Por estimular o sistema nervoso central, a cafeína aumenta o estado de atenção, reduz a sensação de cansaço e ainda possui propriedades termogênicas. Já as gorduras boas, como a manteiga e o óleo de coco, ajudam a manter a saciedade por mais tempo e, quando consumidas moderadamente, podem beneficiar a dieta. Ainda que polêmico, o óleo de coco em particular, é um ácido graxo TCM, ou seja, rico em triglicerídeos de cadeia média. Essa característica faz com que ele seja rapidamente absorvido pelo organismo, convertendo-se em uma fonte de energia imediata sem alterar significativamente a glicemia, como acontece com os carboidratos, por exemplo.”

Efeito emagrecedor

Ainda assim, a especialista da Nature Center afirma que intitular a bebida de “emagrecedora” é um exagero, pois a perda de peso depende de fatores que vão muito além da simples ingestão do “café turbinado”. “É preciso considerar alguns pontos: substituir um café da manhã completo, com diversidade de alimentos e, consequentemente, de nutrientes por uma bebida rica em gordura pode ser uma armadilha, especialmente se a pessoa não controlar a ingestão calórica ao longo do dia. Embora as gorduras boas possuam um papel importante no emagrecimento, seu consumo excessivo pode igualmente levar ao ganho de peso e ainda elevar o colesterol. Além disso, ficar muito tempo sem se alimentar pode causar um efeito rebote e desacelerar o metabolismo, sobretudo se a pessoa não corrigir seus hábitos alimentares antes de apostar numa dieta”.

O alerta vale também para aqueles que seguem uma alimentação mais regrada e apostam na bebida como um pré-treino: “Nada substitui uma refeição equilibrada. Embora o bulletproof coffee possa fazer parte do pré-treino nos dias corridos, quando não é possível parar para fazer um lanche antes da , é importante saber que os mesmos benefícios podem ser alcançados se esses ingredientes estiverem no cardápio do dia, em preparações mais nutritivas e, até mesmo, mais saborosas”.

Sem café, por favor!

Mesmo que os efeitos da bebida sejam atrativos, encarar seu gosto peculiar e ainda ter que prepará-la diariamente (uma vez que a recomendação é de que a bebida seja consumida fresca) pode parecer uma tarefa árdua. Porém, como mencionado por Menezes, os ingredientes do bulletproof coffee podem compor o cardápio sem que seja preciso, necessariamente, reservar um tempo todas as manhãs para seu preparo. Apostando nos alimentos certos, tanto a cafeína e quanto as gorduras boas podem proporcionar os mesmos benefícios, desde que façam parte de um cardápio equilibrado. Veja como:

Cafeína

Nem só do tradicional cafezinho se obtém a cafeína. Para aqueles que não apreciam tanto a bebida (ainda mais acrescida de gordura!) é possível apostar em outros matinais ou alimentos ricos na substância. O popular chá mate, chá preto e, principalmente o chá verde, também possuem níveis significativos do estimulante. O verde, em especial, possui um potente efeito termogênico. Pra os que não abrem mão do café, o grão da mesma coloração também pode ser um grande aliado: por conter ácido clorogênico em sua composição, o café verde é rico em antioxidantes, auxilia na saciedade e, conforme evidenciam estudos, seria capaz de inibir as enzimas amilase e a lipase pancreática, responsáveis pela absorção de gorduras, facilitando assim, sua eliminação do organismo. O chocolate amargo é outra fonte de cafeína, porém, além da moderação, atenção quanto à qualidade do produto, que deve ter pelo menos 50% de cacau em sua composição.

Gorduras Boas

 Já não é segredo que as gorduras são fundamentais no cardápio, inclusive de quem deseja emagrecer, pois propiciam saciedade. Essenciais em diversos processos fisiológicos, os ácidos graxos são responsáveis, entre outras coisas, pela secreção de hormônios (muitos deles ligados à quebra das gorduras acumuladas no tecido adiposo) e pelo transporte de vitaminas lipossolúveis. É inegável que se um indivíduo não está devidamente nutrido ou em desequilíbrio hormonal, a perda de peso será ainda mais dificultosa. Porém, nem todas as gorduras são benéficas ao organismo. Se o objetivo é perder peso e ganhar em saúde as melhores escolhas são: óleo de coco “Ainda que seja uma gordura satura, algumas propriedades são consideravelmente vantajosas: é rico em vitamina E, antioxidantes e TCM”; o Ômega 3, famoso também por combater os radicais livres,  e o óleo de cartamo, rico em Ômegas 6 e 9. Quanto à manteiga? “Quando pura e de alta qualidade, é fonte de diversos nutrientes importantes como as Vitaminas A, K e D, e os minerais Cromo, Zinco e Selênio”.

Vale a pena apostar no Bulletproof Coffee?

De acordo com a nutricionista, a bebida pode sim ser benéfica, quando apoiada por uma dieta equilibrada e, principalmente, orientada por um profissional de saúde. Porém, ela não deve ser considerada milagrosa, pois, isoladamente, sem uma reeducação alimentar, não surtirá o efeito desejado. “O segredo não está na bebida, mas sim nos nutrientes presentes nos ingredientes, que podem perfeitamente fazer parte do cardápio de outras formas. É possível aumentar a saciedade ingerindo gorduras boas por meio de alimentos variados como o abacate, as oleaginosas e os peixes gordos. Os óleos podem entrar nas preparações dos pratos e saladas, obviamente, pensando sempre no equilíbrio de toda a dieta”.

Já a cafeína pode ser consumida de acordo com o gosto pessoal, porém, com uma ressalva: por serem estimulantes, suas fontes devem ser ingeridas, no mais tardar, até as 16h da tarde, para não prejudicar o sono. E se o desejo é emagrecer, é recomendado evitar o açúcar nas preparações. Para os adeptos da suplementação, o uso de cápsulas ou extratos, tanto de óleos funcionais quanto de cafeína, deve ser sempre orientado por um médico/nutricionista. Sobretudo, pois certos grupos podem apresentar maior sensibilidade aos efeitos dessas substâncias.

Fonte: Nature Center


 

A Specialità Fitness não publica postagens com o fim de recomendar qualquer tipo de dieta ou alimento, mas para informar o consumidor a respeito de algum assunto que está em destaque na mídia, como é o caso. Sempre destacamos que a qualidade de vida, com atividades físicas regulares e uma alimentação saudável é sempre a melhor maneira de manter a saúde em dia, mais do que emagrecer ou estar dentro de padrões de medidas impostas pela mídia. O importante é estar feliz com o próprio corpo e ter qualidade de vida!

Pin It


Metais no sangue dificultam emagrecimento?

Não consegue emagrecer? A presença de metais no sangue pode ser uma explicação

Médico Theo Webert explica como podem atrapalhar as funções da tireoide e dá receita natural de como se desintoxicar de mercúrio, cádmio e chumbometais-sangue-dificultam-emagrecimento

Se você é daqueles que já recorreu a todos os métodos para tentar emagrecer e não conseguiu resultado razoável, um vilão pode ser o culpado pelo seu fracasso: o mercúrio. Na verdade, qualquer metal presente no seu sangue. Isso mesmo, o metal que está no seu corpo. Quem sugere é o médico Theo Webert, que atua em nutrologia e explica cientificamente a razão disso ocorrer.

“A toxicidade do metal pode prejudicar a função neuroendócrina. Em outras palavras, isso significa que a função normal da tireoide pode ser prejudicada a partir de metais tóxicos, como mercúrio, cádmio, chumbo e outros”, explica. O médico transcorre que metais tóxicos são necessários para o funcionamento do corpo humano. “O mercúrio é que provavelmente estamos mais familiarizados, mas o excesso de qualquer um deles traz malefícios”, ressalta o especialista que atende no Rio, São Paulo e Brasília.

Os metais não apresentam qualquer função definida e são incorporados por meio da ingestão de alimentos e água e do ar que respiramos. Como resultado disso, é possível encontrar em um adulto médio quantidades mensuráveis de alumínio, bário, cádmio, césio, chumbo, prata e estrôncio. Pode haver traços de muitos outros metais, incluindo ouro e urânio.

Mas, afinal, por que a conexão entre os metais existentes no sangue e a perda de peso? Segundo o médico, a função da tireoide prejudicada fará como um campo de força invisível em torno de sua gordura corporal. “Há boa evidência científica de que a toxicidade do metal pode prejudicar a função endócrina”, reforça.

O médico lembra que existem inúmeros estudos indicando a relação do chumbo, cádmio e mercúrio com dificuldades no emagrecimento. O especialista lembra que há exames específicos que conseguem medir o nível de metais indesejados dentro do corpo humano. “Sempre recomendo que seu médico requisite o teste tóxico do metal pesado urinário de 3 ou 6 horas usando um agente de rastreamento”, recomenda.

Uma das alternativas para se livrar desses metais indesejados é a boa e velha sauna, devido ao estímulo à sudorese. Além disso, há medicamentos específicos que auxiliam nessa desintoxicação. “É claro que existem procedimentos médicos, como a verificação hepática, por exemplo. Mas após uma avaliação cuidadosa do seu especialista, há casos em que podem recomendar, por exemplo, DMSA ou DMPS”, diz.

DMSA, ou ácido dimercaptosuccínico, e agente dimercapto-sulfônico (DMPS) têm sido utilizados para terapia quelante contra o chumbo ou envenenamento por arsênico. De acordo com Theo Webert, embora poderosos e eficazes, os ácidos podem muitas vezes causar efeitos secundários graves.

“Existe uma combinação quelante completamente inofensiva, eficaz e natural que ajuda a eliminar até 80% dos metais pesados do nosso corpo. A dose simples e adequada de coentro (salsa chinesa) e clorela, que juntos são um poderoso agente quelante para numerosos metais pesados”, ensina.


Lembre-se de procurar sempre um médico! Na internet nós procuramos informações, mas qualquer tratamento só pode ser prescrito por um médico, individualmente.

 

Pin It


3 dicas para malhar em casa

Malhar em casa ficou mais fácil com a ajuda da internet!

Sem desculpas para não malhar! Com aulas de até 20 minutos e para diferentes perfis, plataformas online são alternativas para quem quer manter o corpo em dia sem sair de casa

Falta de tempo, preguiça, orçamento apertado, não gostar do ambiente de academia, muitos são os motivos para as pessoas fugirem da malhação. Entretanto, manter uma rotina com exercícios físicos é essencial para a saúde do corpo e a mente e a internet pode ser a solução para quem quer ficar em boa forma. Confira os principais programas de exercícios físicos online, que funcionam por assinatura e que, além de caberem no bolso, oferecem treinos completos e aulas com duração de no máximo 20 minutos por dia. São diferentes modalidades para diferentes públicos:

Para mulheres: Missão Fitness

3 dicas para malhar em casa

O Missão Fitness é um programa 100% online, elaborado pela personal trainer e educadora física Lana Pessoa. Com uma proposta de transformação rápida – apenas 60 dias, com exercícios de 15 minutos por dia –, o programa garante foco nas formas do corpo feminino que as mulheres mais se preocupam. O programa, que é dividido em duas fases de 30 dias cada uma, pode ser feito em qualquer hora e em qualquer lugar já que conta com aplicativo que deixa você baixar as aulas direto no seu aparelho.

A primeira fase é voltada à queima de gordura e a segunda fase, que completa essa “missão”, tem o objetivo de moldar os músculos após a eliminação da gordura localizada. Além disso, a assinatura do programa vem com um guia nutricional que potencializa os resultados das aulas, além de exercícios-bônus para os membros superiores e para o alongamento do corpo.

Para mamães: Mamãe Sarada

O Mamãe Sarada é um programa de treinos online exclusivos para mães. A ideia do formato partiu da personal trainer e mestre em fisiologia do exercício Gabriela Cangussu. Depois de sentir na pele o sobrepeso após a gestação do seu segundo filho, a especialista fitness criou então séries de aulas especializadas nas necessidades de quem foi mãe, para serem executadas em apenas 14 minutos, todos os dias, tempo suficiente para colocar o organismo no eixo sem prejudicar a rotina com os filhos.

O programa é totalmente focado nas áreas do corpo que são mais impactadas pela gravidez, como pernas, abdômen, glúteos e lombar.

3 dicas para malhar em casa

 Para adeptos do Yoga: Desafio Yoga

Desenvolvido com metodologia exclusiva, o Desafio Yoga é um programa 100% online e que tem como treinadora a Leilane Lobo – instrutora certificada de yoga há 9 anos, personal yoga e especialista em transformação do corpo feminino. O programa, que exige apenas 20 minutos diários de dedicação, têm o objetivo de ajudar as praticantes a entrarem na sua melhor forma no menor prazo possível através do Yoga e pode ser realizado por qualquer pessoa, mesmo aquelas que nunca fizeram Yoga.

A metodologia foi criada com o objetivo de permitir que o corpo e a mente estejam em constante evolução. Os desafios de exercícios propostos forçam o corpo a mudar e a se adaptar, tonificando cada região trabalhada e garantindo resultados para o corpo e para a mente. Tonificação muscular, emagrecimento, alívio de estresse e tensão estão entre os principais benefícios.

 

 

 

 

Pin It